Fundación MAPFRE premiará projetos inovadores com capacidade de transformação social
Fundación MAPFRE premiará projetos inovadores com capacidade de transformação social

Fundación MAPFRE premiará projetos inovadores com capacidade de transformação social

OEI. 05/04/2018
Tamanho do texto+-

Está aberto até 30 de abril o prazo para recebimento de projetos dos Prêmios Fundación MAPFRE à Inovação Social. Realizada com o apoio da IE Business School, a iniciativa tem como objetivo promover soluções inovadoras com grande potencial de impacto social, especialmente em três áreas: melhora da saúde e tecnologia digital (e-Health); inovação para seguradoras insurtech; e mobilidade e segurança viária.

Aos projetos com maior capacidade de transformação social serão oferecidos diversos canais de promoção. Semifinalistas e finalistas receberão apoio, orientação e ajuda para divulgação. Também será dado um prêmio em dinheiro: o vencedor de cada uma das três categorias receberá 30 mil euros da Fundación MAPFRE, a título de doação.

Podem concorrer projetos da comunidade de inovação social em geral.  Ou seja, estudantes de universidades e escolas de negócio, cientistas, pesquisadores e professores universitários, órgãos públicos e ONGs, além de empreendedores.

É necessário ter pelo menos um integrante trabalhando em tempo integral no projeto, e contar com um protótipo ou piloto de uma ideia de inovação social com a participação de usuários. Caso o projeto apresentado já receba algum investimento, este não poderá ser superior a 150 mil euros por ano (incluindo doações, aportes públicos ou faturamento, se houver).

A avaliação terá como base critérios como o potencial de impacto social; a inovação que representa para o concurso; a viabilidade dos projetos, tanto técnica quanto econômica/organizacional; a capacidade e a experiência da equipe, e a maturidade da ideia, demonstrada nos resultados de testes-piloto.

Temáticas

Na categoria “Inovação para seguradoras insurtech”, por exemplo, a ideia é apoiar projetos que mostram como a tecnologia pode melhorar a eficiência e o serviço das companhias, ou mesmo ajudar as gerações mais jovens a encontrar uma aposentadoria de qualidade quando chegar a hora. Fusão das palavras insurance (seguros) e technology (tecnologia), o termo "insurtech” designa as start-ups que oferecem novos modelos de negócios e de relacionamento para as seguradoras.

Já na categoria “Melhora da saúde e tecnologia digital (e-Health)”, as iniciativas devem envolver questões como a contribuição da tecnologia para incentivar comportamentos saudáveis, educar crianças e jovens para que eles desenvolvam melhores hábitos de vida, ou para melhorar a qualidade de vida dos pacientes crônicos.

Em “Mobilidade e segurança viária”, o tema está voltado para o veículo “conectado” e as oportunidades para promover a segurança e o bem-estar da sociedade. Como garantir que a conexão do veículo melhore a segurança viária? Como aproveitar os avanços tecnológicos para racionalizar o trânsito, reduzindo a poluição? Como aproveitar as informações geradas por um transporte conectado para projetar ambientes urbanos mais sustentáveis, tanto social quanto ambientalmente? Essas são algumas das questões que os projetos devem responder.

A Fundação MAPFRE

Com sede na Espanha, a Fundación MAPFRE é uma instituição sem fins lucrativos que atua em 29 países. No Brasil, busca disseminar valores, promover o acesso à cultura e contribuir com o bem-estar da sociedade, apoiando e desenvolvendo iniciativas nas áreas de ação social, prevenção e segurança viária, seguro e previdência social e promoção da saúde.


Saiba mais: http://fundacionpremiosinovacao.mapfre.com.br/